Arquivar 25 de agosto de 2012

O Perfumar

Têm o cheiro do importante amor
A atitude essencial da felicidade
Comportamento reluzente da verdade
Com o brio esplendoroso da sinceridade.

Ato purificado do encorajador
Fragrância que encanta ao amor
Sensação elevada em harmonia
Unindo coração e razão em sintonia.

Calma que acalma o coração
Privilegio que acompanha os amados
Encanto que encanta com sensação.

Aroma que perfuma a alma
Beleza enfeitada de alegria
O perfumar uma ação que se sentia.

Meus sonhos

Ao caminhar nas percepções dos meus sonhos
Calculei a importância do amor em minha vida
A princípio, deparei-me com um valor infinito
Incalculável em máquina humana adquirida.

Senti uma enorme satisfação, verdade perfeita
Percebi em minha essência que era uma riqueza
Digo com franqueza, qualidade sublime em emoção
Suspirei de felicidade, emoção e satisfação.

Uma sensação alegre-me intensamente
Num barco de sonhos viajei pela mente
Amei sonhar, sentir-me como gente.

Idealizei minha vida, sonhei vivê-la
Minhas ações querida me fez percebê-la
Minhas alegrias, verdadeiramente, cumpridas.

Amor infinito

Quero um amor sem fim
Algo que encante em mim
A semblância do amanhecer
Na contemplação da beleza do viver.

Profundo na essência do ser
Radiante no perfil da perfeição
Sublime alegria focada no coração
Gentileza presente no amanhecer.

Seja humano ou incondicional
É infinitamente sentido e desejado
É repousado na alma, incalculado.

Pureza que purifica a essência
É sentimento supremo por natureza
Amor infinito seja eterno com certeza.

O Cessar

Quando a esperança cessa
A luta tornar-se um engano
A vontade um desengano
A coragem um ato insano.

Quando a luta cessa
A covardia sufoca
O medo te convocar
A tristeza lhe acomoda.

Quando a vontade cessa
O desânimo o acompanha
O sofrimento o aclama.

Quando a coragem cessa
O viver se despede
A alegria lhe esquece.

Declaração

Você é sublime, esplendorosa flor de primavera
És raios puros emitidos das mais luzentes estrelas
Tua alma refletindo o mais cálido amor com cautela
Teu corpo é chama, que enche minha alma em beleza.

Teus olhos são brilhantes, causado por felicidades
Perfil de bela flor exalando perfume de respeito
Tua boca de sabor mel, a distância sinto saudades
A sinceridade é tua virtude, num dom mais que perfeito.

Com alma radiante desperta um sublime esplendor
Tua característica, fonte e fortaleza onde se encontram,
Felicidade, sinceridade, carinho… e amor
Tem gestos fascinantes que encantam.

Elogios de amor parte 2

Com a beleza do amor e o perfil de uma paixão
Alma deslumbrante de encantos, és vida em ação
Uma joia de beleza interior, faz de você, essência rara
Fascinante e inesquecível, uma deusa revelada.

Olhar atraente em beleza e de puros sentimentos
Linda e delicada, eterna flor de primavera
Que expande beleza em quaisquer momentos
Nesses momentos de felicidades que se esmera.

Abrilhantada pela sua beleza interior
Mostrando sua divina virtude na procura do amor
Com atitudes de sentimentos, és esperança de guerreiros
Adquirindo afeição e respeito aos gestos verdadeiros.

Elogios de amor

A beleza encontrada na mais bela flor
Não se compara com a beleza, que se encontra em você
Nos enredos da vida, estas a representar a dignidade do amor
Amando e ignorando, a existência do sofrer.

Você é portadora dos mais belos e nobres sentimentos
Que uma pessoa pode ter em quaisquer momentos
Fazendo a gnose de amar, um motivo para ensinar
O fortalecer de uma esperança se tornando a alegria do amar.

Teu caminho é traçado de pura virtude e emoção
Teu jeito deslumbrante, coração palpitante, riqueza vivida
És admiração, representas belos sentimentos em uma paixão.

Com gestos de sabedorias nas noites de luar
Esplendorosa e sublime, ao amanhecer
Consegue resplandecer a alegria do viver.

A Sorte

Pode ser um bônus do destino
A realização dum sonho extinto
Um desejo sucinto
Um azar se partindo.

Pode ser a conquista dum amor
Um paraíso sem dor
Um verão sem calor
O beijo sem pudor.

Pode ser a salvação ao paraíso
A conquista do sorriso
A felicidade dum amigo.

Pode ser a coragem de lutar
A forma para não desanimar
O viver para amar.